3 filmes do Oscar 2016 para assistir e estudar inglês

By Hey Peppers!
In março 28, 2016
1916 Views

​Quem é que prefere abrir uma gramática em vez de assistir a um filmezinho regado a muita pipoca? Pois saiba que, quando o assunto é estudar inglês, até os mais CDFs podem fechar o livro e ligar a TV sem culpa, viu? Isso porque, com a quantidade de filmes, seriados e outras mídias nesse idioma, não é nada difícil aprender na frente das telinhas! E se você estava precisando de uma desculpa para ver os filmes do Oscar 2016, vai adorar nosso post de hoje. Continue lendo e fique por dentro de como você pode usar 3 dos indicados a melhor filme para praticar seu inglês e, claro, passar a tarde no sofá com a justificativa perfeita! Confira nossas sugestões:

banner-brooklyn-Brooklyn_Film_844x476

Brooklyn

Nova Iorque é conhecida por ser um verdadeiro caldeirão de culturas, certo? E nesse filme é justamente isso que você vai poder aproveitar para praticar o inglês! Veja só:

Sobre o que é?

Indicado a três Oscars (melhor filme, melhor atriz e melhor roteiro adaptado), Brooklynconta a história de Eilis Lacey, uma jovem irlandesa que migra para os EUA em busca do bom e velho american dream. Apesar da saudade de casa, Ellis logo se aclimata em NYC, principalmente depois de conhecer um imigrante italiano que rouba seu coração. Só que as coisas começam a se complicar quando ela precisa voltar para a Irlanda depois de um problema na família. Aí acaba se envolvendo com um compatriota. Será que ela vai voltar para os Estados Unidos ou decidirá esquecer sua vida por lá de vez? É claro que não vamos bancar os spoilers! Então você vai ter que ver para saber.

E para estudar inglês?

Além de permitir que você conheça um pouco da história de Nova Iorque e tenha contato com as várias culturas que participaram da formação da cidade, Brooklyn é muito bacana para quem quer estudar inglês por trazer diferentes variações do idioma. Por isso, nossa sugestão é que você assista ao filme primeiramente com legendas em português, se quiser só entender a história, e depois com legendas em inglês, que o ajudarão a decifrar os sotaques dos personagens.

Fique de olho nas diferentes maneiras de se pronunciar as mesmas palavras, anote diferenças de vocabulário e até detalhes culturais que chamarem sua atenção! Depois, tente assistir ao filme novamente, só que sem legendas, para ver se consegue entender tudo o que está sendo dito e se tem alguma forma de falar em especial que você gosta mais ou que te traz mais dificuldades.

Watch-The-Revenant-full-movie

O regresso

Além de ter sido indicado ao Oscar de melhor filme em 2016, O regresso (ou The revenant, no original) foi responsável por finalmente fazer com que Leonardo DiCaprio levasse para casa a estatueta de melhor ator! Que tal usá-lo para se divertir enquanto aprende inglês? Confira:

Sobre o que é?

Baseado em acontecimentos assustadoramente reais do início do século XIX, nos EUA, O regresso conta a história do guia Hugh Glass. Em uma expedição com um grupo de caçadores pelas florestas americanas, Hugh e o grupo são atacados pela tribo indígena dos Arikaras, que querem punição pelo sequestro da filha do cacique. Como tem mais experiência em ambientes selvagens, Glass lidera o grupo para fugir dos nativos. Mas, em meio à fuga, acaba sendo atacado por um urso e quase morre. Com isso, um dos caçadores propõe deixar Hugh para trás para acelerar a escapada. E é aí que o guia termina sendo enterrado vivo. E adivinha? Ele sobrevive e volta do reino dos (quase) mortos para se vingar.

E para estudar inglês?

Apesar de ter menos diálogos que outros tipos de filme, O regresso não é exatamente para iniciantes no inglês, já que conta com trejeitos, sotaques e uma linguagem própria da época que só os mais avançados conseguirão pegar. Ainda assim, recomendamos que assista o filme pelo menos com legendas em inglês para ajudar na compreensão e permitir que você se familiarize com formas menos standard da língua.

Depois de assistir ao filme pela primeira vez, vale a pena revê-lo para fixar o que aprendeu. Além do mais, o vocabulário cheio de detalhes pode precisar de algumas consultas ao dicionário para ser bem compreendido e fixado. Você vai perceber que essa experiência proporcionará muitas oportunidades de listening, ajudando a entender até as escutas mais difíceis e emboladas.

spotlight-2015-directed-by-tom-mccarthy-movie-review

Spotlight: segredos revelados

E para fechar sua maratona de estudos no sofá com chave de ouro, não poderia faltar o grande ganhador de melhor filme no Oscar de 2016: Spotlight. Com a vantagem de se passar em uma época bem mais próxima à nossa (a trama acontece no início dos anos 2000), o filme é ideal para estudantes de qualquer nível, permitindo que se entre em contato com o inglês de verdade, como é falado pelos nativos. Fique ligado:

Sobre o que é?

Tudo começa em 2001, quando o jornal The Boston Globe (da cidade de Boston, na costa leste dos Estados Unidos) decide contratar um novo editor: Marty Baron. Depois de ler um artigo que levantava a suspeita de que o Arcebispo de Boston tivesse sido cúmplice de um caso de pedofilia na Arquidiocese da cidade, Baron resolve pedir à equipe de jornalismo investigativo do periódico (a Spotlight) para descobrir mais sobre aquela história. Entretanto, o que ninguém sabia é que aquela era só a ponta do iceberg. Quanto mais a equipe investiga, mais suspeitas emergem. Assim, o time da Spotlight acaba por desvendar um caso enorme de abuso sexual acobertado pelos membros da igreja.

E para estudar inglês?

O frisson investigativo já é um motivo mais que bom para assistir a esse filme baseado em uma história real. Mas se você precisa de mais uma razão, pode aproveitar para estudar inglês com ele! Dependendo do seu nível, pode ser legal ver com legendas em português primeiro, para ficar por dentro da trama. Depois, parta para o estudo.

Na segunda rodada, você pode escolher um tema no qual se concentrar (como phrasal verbsou vocabulário jornalístico, por exemplo) e ir pausando o filme sempre que precisar para anotar o que aprendeu. Até umas consultinhas rápidas ao dicionário são bem-vindas. Quem quiser treinar para entender os falantes nativos pode voltar a assistir ao filme sem legendas, repetindo algumas falas para ganhar mais fluência no speaking e até conversando em inglês com um amigo ou professor sobre o assunto.

Achava que estudar inglês assistindo a filmes e seriados era desculpa de estudante preguiçoso? Pois agora descobriu que essa é uma das melhores maneiras de entrar em contato com o inglês como ele é realmente usado pelos nativos sem sequer precisar sair de casa! Gostou? Então aproveite para curtir a página da Hey Peppers no Facebook, assim até nas redes sociais você continua aprendendo!

Deixe um comentário