Londres – Relatos de intercâmbio

By Hey Peppers!
In março 18, 2019
565 Views

Olha o relato da Taís Ibing, Supervisora de Vendas da Hey Peppers! Santa Rosa, sobre seu intercâmbio para Londres.

“Londres, ah Londres!

Uma cidade da Europa que arranca suspiros de tão linda e encantadora! Os pequenos detalhes de cada construção, incluindo os jardins, a limpeza das ruas e a boa educação de quem vive por lá.

Londres é luz, e isso se percebe logo quando se chega à Picadilli Circus. Um telão de dar inveja a qualquer um, quando se depara com toda aquela beleza, o olhar para e logo se pensa “O que é  isso meu Deus? Quanta magia e beleza em uma única rua”.

Mas nosso passeio não começou por aí, iniciamos a gostosa aventura de um grupo de intercâmbio para conhecer Londres pelo Rio Tâmisa. Cada detalhe desde a compra do ticket até o embarque já nos dizia que o dia seria de fortes emoções e muitos encantos.

Nosso passeio pelo Rio foi regado ao um bom chimarrão, muitas fotos e olhares que não escondiam a gratidão de estar ali. Vendo das mais lindas pontes, aos mais belos castelos, de prédios de grandes empresas até  o relógio famoso Big Ben, todo tapado para reforma, mas ao seu lado bem visível aos olhos o parlamento. 

Ali com tanta beleza, iniciou nossa caminhada. As ruas cheias, tinham muitos turistas e, entre eles, brasileiros. Logo de cara se vê  ao longo da avenida aquele ônibus vermelho que não precisa nem ser apresentado,  assim como as cabines  telefônicas. Os olhos, nesse momento, já não sabem mais para onde olham primeiro.

Os momento  que atrai  mais turistas em um ponto específico é no Palácio de Buckingham, onde acontece a troca de guarda, momento marcado pela organização em cada detalhe. Respeito um com o outro e um trabalho em equipe de dar inveja. Logo, o resultado: aplausos da multidão  e o nosso coração quase pulando fora com tamanha nobreza.

Tivemos o privilégio  de passear no parque de Ellington Park, com bastante turistas mas, desta vez, estudantes como eu e a turma que estava comigo. É nesse momento se encontravam turistas e moradores da cidade. E nós  boquiabertos, vendo os moradores  passeando com seus pets, caminhando, correndo, ou simplesmente  brincando de bolinha e amando cada momento. E pra não ficar só nos pets, nos divertimos com esquilos que vem pedir comida, e patos dóceis do lago, que dá pra chegar bem pertinho.

Uma maravilha que a mãe natureza e a bela conservação e cuidado que Londres tem com seus moradores nos proporcionou.

Andamos até  o Palácio da Rainha (não  era  dia de moradia oficial, quando ela está lá a bandeira fica em lastro alto), um encanto aos olhos desde a rua que é  pintada de vermelho para a rainha poder passar, até  o jardim. Nesse momento passamos pela calçada da rua vermelha,  onde nossa guia foi nos contando  como fica a cidade em dias de festa, de casamento real, e principalmente sobre o respeito e admiração que a população de Londres tem pela sua rainha.

A London Eye, que já foi considerada maior roda gigante do mundo, leva 30 minutos para fazer toda a volta e nos proporciona a vista mais linda de Londres do alto que se possa imaginar. As cabines são  grandes e pode ser feito o passeio  com o grupo,  o que proporciona uma emoção maior ainda. Ela é  estática, e tem um banco pra quem preferir curtir a volta sentado e mesmo  assim aproveitar cada minuto.

Pra  fechar com chave de ouro, os musicais em Londres são algo surreal. Para pessoas como eu, que moro em cidade pequena, conseguir o musical  do Rei Leão, aproveitar cada segundo e sentir a emoção de cada tom da orquestra e seus atores. Foi como se eu tivesse em mundo paralelo ao meu. Digno de arrancar lágrimas e suspiros. E o coração cheio de  gratidão. Guardo o que vivi em Londres no meu potinho de recordações, com um aviso bem claro….Londres, ano que vem nos vemos novamente!”

Deixe um comentário